sexta-feira, 1 de julho de 2011

Já chega!!!

Hoje podia falar sobre o programa do governo ou sobre o roubo de 50% do subsídio de Natal dos trabalhadores...
Podia falar sobre a existência dos vampiros e a marca que um deixou no braço do meu filho...
Mas uma coisa que de facto me está a incomodar tem a ver com a morte e com a sua mediatização....
É óbvio que as figuras públicas chamam a atenção das pessoas e que a sua vida  faz correr tinta nas revistas cor de rosa....
Mas tudo o que é demais ... enjoa!!!


Morreu o Angélico Vieira... é de lamentar, jovem, enérgico e com uma vida inteira pela frente.... morreu também o seu companheiro de viagem, cujo o nome ninguém sabe e está em estado critico uma miúda que vinha com eles... que eu também não sei como se chama... Também morreu um camarada meu, por acaso presidente de uma IPSS e que durante muitos anos dedicou a sua vida aos outros...


Há duas semanas explodiu a casa da Sónia Brazão, ela ficou em estado critico e sobre isso muita tinta rolou... explosões acontecem todos os dias, as pessoas ficam queimadas, ou morrem...  e sim é de facto triste e deve fazer nos pensar sobre a importância de viver cada dia...


Há uns meses foi o Carlos Castro e a foto-novela da capagem da criatura...


Caramba será que o facto das pessoas terem uma vida pública obriga a que sejam desrespeitadas até na hora da sua morte, na hora em que sofrem em que a sua família sofre... que importância tem se a sua mãe se vestiu de amarelo às pintinhas ou se a ex namorada estava lá... que importância tem a marca do saca rolhas e da botija de gás...  incomoda me que se tenha perdido o decoro e a decência e se trate a morte como  se fosse uma qualquer informação meteorológica...


Estamos a falar de pessoas e das suas vidas... e mortes... Bolas tanto desrespeito!!!

1 comentário: